Limpando a casa sem sofrimento

6 dicas simples e incríveis que vão resolver as dores no corpo das donas de casa.

Limpando a casa sem sofrimento (6 dicas simples)

O trabalho doméstico não é nada fácil. Todos sabem que é um trabalho que tem começo, mas nunca tem fim.

Todos os dias uma dona de casa tem atividades repetitivas e cansativas, e quando você acha que ela vai parar um pouquinho, chega o “adorado” DIA DA FAXINA.

Uma boa faxina inclui desde limpar azulejos e armários, até limpar o chão e lavar a louça. E para todas essas atividades são realizados movimentos muitas vezes nocivos à saúde.

Pensamos que por estar em casa realizando suas atividades, a dona de casa está segura, mas muitas vezes ela corre “riscos” sem perceber.

Nem vou entrar na questão de subir numa escada para limpar uma janela sem tela de proteção no 12° andar, ou manusear instrumentos cortantes, que isso todo mundo está careca de saber o quanto é perigoso.

Nesse artigo quero falar sobre as doenças que aparecem com a repetição de atividades; as atividades de uma rotina de varrer o chão, limpar o azulejo, esfregar uma roupa ou pegar peso. Fazer isso repetidas vezes, todos os dias de maneira errada pode causar problemas de saúde tanto psicológica quanto física.

Você já ouviu falar sobre a Síndrome de burnout?

A Síndrome do burnout é um termo utilizado para estresse contínuo causado pelo trabalho, todos os tipos de trabalho, inclusive o de dona de casa.

Isso porque existe um excesso de atribuições, pressões, preocupações e frustações, ou seja, esgotamento causado pelo CONSUMO EXCESSIVO DE ENERGIA. E todo esse consumo de energia pode causar desde doenças psicossomáticas até as doenças causadas por esforço repetitivo - as famosas LER (Lesão por esforço repetitivo).

Quais são essas doenças? Por que elas aparecem? E quais são os avisos que nós recebemos do nosso corpo e protelamos para resolvê-los?

As doenças mais comuns causadas por esforço repetitivo em donas de casa são: tendinite, bursite, artrose, lombalgia, ciatalgia e torcicolo.

Essas doenças aparecem por um simples motivo: fazemos as atividades sem pensar no nosso corpo.

Por exemplo, quando você varre a sua casa, depois de algum tempo você sente dor nas costas, lombar especificamente?

E já se perguntou se a maneira que você está utilizando a vassoura é correta?

Não?!

Ok. Então vamos passar algumas dicas de como fazer algumas atividades do lar prejudicando o menos possível o seu corpo através da Ergonomia.

Mas antes, o que é Ergonomia?

A Ergonomia é uma ciência que estuda a interação entre o homem e os equipamentos/instrumentos dos quais ele faz uso em seu trabalho, ou seja, a Ergonomia visa organizar o trabalho de forma que o trabalhador atinja seus objetivos com segurança otimizando o seu bem-estar.

Basicamente, a ergonomia foi criada para ajudar a fazer suas atividades no trabalho de maneira mais saudável evitando problemas de saúde.

A partir disso, separamos algumas das principais atividades de uma dona de casa e demonstrar a maneira correta de realizá-las.

1° Varrendo a casa

Para varrer sua casa o ideal é usar cabos de vassoura compridos.

Caso não encontre, você pode improvisar um extensor de cabos de vassoura com um cano de PVC encaixado na parte de cima do cabo.

O importante é que ao varrer, você deve manter a coluna ereta e sempre ficar próxima ao local que está varrendo, evitando ficar fixa em um local e esticar demais os braços.

Isso faz com que sua coluna se curve e seus braços se estiquem demais.

Para limpar as regiões embaixo dos móveis, abaixe dobrando os joelhos tentando manter a coluna ereta, nunca se curve dobrando as costas.

Uma outra dica é o uso de aspirador de pó, com ele você diminui os movimentos de rotação da lombar e meio das costas, mas lembre-se de também manter a coluna ereta ao utiliza-lo.

Usando a vassoura ou o aspirador dessa maneira, as famosas dores na lombar e problemas crônicos na coluna serão apenas uma lembrança.

2° Torcendo o pano de chão no balde

Quem nunca levou uma bronca da mãe por pisar com o sapato sujo num chão que acabou de ser limpo?

Não é à toa que muitas discussões familiares começam assim, afinal de contas, passar pano é uma atividade mega cansativa e trabalhosa.

Curvamos para torcer o pano no balde, levantamos para abrir o pano e curvamos novamente para colocar o pano no rodo.

Ufa! Já pensou em contar quantas vezes você fez isso quando limpou a casa da última vez? Pois é... Muitas vezes!

Para diminuir esse incômodo, uma ideia é colocar o balde em cima de um banco ou cadeira e ao torcer o pano flexionar os joelhos para que você não precise curvar demais suas costas.

Outra dica superinteressante é usar um rodo ergonômico, encontrado em supermercados, com esse tipo de rodo você não precisa torcer o pano com as mãos e forçar as suas articulações.

3° Lavando a louça

Essa é uma atividade que inevitavelmente a dona de casa faz todos os dias no mínimo 2 vezes, então é muito importante dar uma atenção especial para ela.

Primeiramente aproxime os utensílios que serão utilizados, como detergente e escorredor, para que você não fique fazendo grandes movimentos por muitas vezes durante a lavagem.

A pia deve estar numa altura compatível ao seu umbigo e seus braços ficando num ângulo de 90°. Utilize um apoio (pode ser um pedaço de toco) no chão para apoiar um dos pés e assim manter a circulação das suas pernas. Vá alternando de tempo em tempo, lembrando que a costas deve ficar ereta.

4° Passando a roupa

Muitas donas de casa consideram essa a pior a atividade no lar. Por causa disso elas querem “começar logo para terminar logo”. Mas cuidado com a pressa!

A má postura ao passar a roupa pode causar fortes dores na lombar e meio das costas, além de uma tendinite a longo prazo.

Portanto, ao passar a roupa verifique se a tábua de passar está na altura em que seu braço fique num ângulo de 90° e sua coluna ereta.

Utilize o apoio para os pés igual ao recomendado ao lavar a louça. Passe com calma para não se queimar e não coloque muita força no ferro sobre a tábua, deixe o ferro fazer o “serviço pesado”.

Poupe suas energias!

5° Disposição dos utensílios

Ao guardar os utensílios e equipamentos nos armários atente-se para que os utensílios leves fiquem guardados na parte de cima, os que você usa mais frequência nas prateleiras do meio, na altura do tronco e os utensílios que você usa menos guarde-os na parte debaixo.

Essa dica é superimportante para facilitar a logística das suas atividades, sabendo onde estão as coisas, você não perde tempo procurando.

O que convenhamos, isso diminui consideravelmente o nosso estresse.

6° Colocando a roupa no varal

O varal ideal é o de chão que fica numa altura em que nossos braços mantenham os 90°, pois a altura está proporcional ao nosso corpo.

Os varais convencionais ficam acima da linha do ombro, fazendo com que sobrecarregue as articulações e músculos dos ombros, principalmente quando a roupa for pesada.

Caso você tenha apenas o varal convencional, uma opção é subir numa escada segura colocando a bacia ou balde com a roupa no último degrau para você usar como apoio. Assim você economiza subidas e descidas.

Vale lembrar que todos os movimentos realizados acima da linha dos ombros sobrecarregam seus músculos podendo em longo prazo causar bursites e tendinites.

Portanto, sempre utilize escadas seguras para limpar ambientes altos e mantenha os braços sempre à frente do corpo para limpar.

Seguindo todas essas dicas, em pouco tempo você vai conseguir fazer as atividades do lar sem sentir dores fortes.

Mas lembre-se! Como você não está acostumada a limpar a casa nessas posições, você poderá ter algumas dificuldades no começo e se deixar cair na tentação de fazer a postura errada.

Mas, persista! Logo você pega a prática.

Observe seu corpo, aquela dor que você sente nas costas depois de varrer o chão da sala, ou de limpar as janelas, já são um aviso que você está fazendo algo errado.

Fique atenta à sua postura, e de tempo em tempo dê uma parada no que está fazendo e se movimente: estique os braços, se alongue. Afinal de contas o que importa é a sua saúde.

Gostou desse artigo? Então aproveite para divulgar aos seus parentes e amigos. Quer saber mais sobre terapias e qualidade de vida? Navegue no nosso blog, estamos elaborando mais artigos super úteis para a sua vida.


CONTEÚDO VIP

Coloque o seu email abaixo para receber gratuitamente as atualizações do blog!

Compartilhe

   
   
   
   

Veja os comentários deste post

Scroll to Top